Entre em contato com um de nossos especialistas!

Laudo pericial de trânsito: descubra como conseguir um!

Laudo pericial de trânsito, você conhece a importância de um e sabe quando a elaboração desse documento é necessária? Como funciona a contratação de um perito de trânsito particular? Continue a leitura e descubra todos os detalhes.

O laudo pericial de trânsito geralmente é exigido em situações de conflito de interesses entre pessoas envolvidas em acidentes. 

Independentemente da gravidade, às vezes, a resolução do caso depende de prova documental.

Importante frisar desde o início que o laudo pericial de trânsito, via de regra, é desenvolvido para atender as necessidades de uma ação judicial, pois a decisão de um juiz depende de provas sólidas e confiáveis.

Laudo pericial de trânsito, portanto, cumpre a função de prova documental válida, desde que não seja elaborado por perito de trânsito particular que evidentemente estará a favor de uma das partes.

Acompanhe o conteúdo exclusivo e entenda mais sobre o assunto!

  • Entenda por que o laudo pericial é fundamental
  • Como funciona a elaboração do laudo pericial de trânsito em ação judicial?
  • Conheça alguns pontos importantes da perícia de acidente de trânsito
  • E o que mais o laudo de perícia de trânsito possui?
  • Procurando um perito particular especializado em acidentes de trânsito?

Entenda por que o laudo pericial é fundamental

A função do perito de trânsito particular não é descartada, mesmo no decorrer de um processo judicial, mas a elaboração do laudo pericial de trânsito que ajuda na eventual sentença é realizada por outro profissional.

O mais importante agora, é que você entenda que o laudo pericial de trânsito é um documento indispensável em meio a uma discussão sobre acidente de trânsito, sobretudo quando existem danos materiais.

Para que fique mais claro, acompanhe a lista a seguir e entenda em quais pontos o laudo pericial de trânsito é fundamental, mesmo quando produzido por um perito de trânsito particular:

  • Comprovação de como ou de que forma ocorreu o acidente;
  • Apresentação de evidências sobre a autoria, ou seja, com o apontamento do suposto culpado pelo acidente;
  • Descrição minuciosa sobre os danos causados, materiais ou físicos.

Cabe frisar que, todas essas informações expostas no laudo pericial de trânsito, apresentadas por um perito de trânsito particular ou judicial são elaboradas com embasamento técnico.

Em razão disso, em nenhum caso é permitida a atuação de um perito de trânsito particular ou nomeado pela justiça que não seja comprovadamente qualificado e capacitado para exercer as funções.

O perito de trânsito particular, bem como o nomeado pelo juiz, são profissionais com notório conhecimento técnico e correspondente certificação de sua capacidade de atuar em laudo pericial de trânsito.

Como funciona a elaboração do laudo pericial de trânsito em ação judicial?

Quando há divergências sobre a autoria, gravidade dos danos e culpabilidade em um acidente de trânsito é comum que a discussão seja levada ao judiciário. 

É prudente afirmar que a apresentação do laudo pericial de trânsito se faz necessária na maioria dos conflitos de interesse judicial, uma vez que as partes apresentam versões distintas do mesmo fato.

Diante de tal situação, não restam outras alternativas ao juiz responsável senão a determinação da elaboração de um laudo pericial de trânsito. 

Contudo, o documento não é produzido por um perito de trânsito particular.

O profissional responsável, embora seja perito de trânsito, é um terceiro sem qualquer vínculo com as partes. 

Isso significa que um perito de trânsito particular não é permitido?

Durante a produção do laudo pericial de trânsito as partes poderão contratar um perito de trânsito particular, mas somente para exercerem a função de assistente técnico, apenas para avaliar se o laudo pericial de trânsito será formulado corretamente.

Durante a perícia, por exemplo, cada perito de trânsito particular poderá acompanhar as atividades do perito judicial visando a fiscalização. 

Então essa é a única função do perito de trânsito particular?

É muito comum que o perito de trânsito particular representante de cada um dos envolvidos no acidente apresente quesitos que irão pautar a realização da perícia, bem como do laudo pericial de trânsito.

Ou seja, para que o perito judicial entregue o laudo pericial de trânsito completo, além das suas evidências e convicções, é necessário que ele responda todos os questionamentos do perito de trânsito particular.

O perito de trânsito particular de cada uma das partes também desempenha um papel fundamental no momento em que o laudo pericial de trânsito é anexado ao processo judicial.

Isso porque, quando o perito judicial apresenta o laudo pericial de trânsito, cada um dos peritos particulares, atuando como assistentes técnico, poderão manifestar desacordo ou concordância com o laudo pericial de trânsito.

Conheça alguns pontos importantes da perícia de acidente de trânsito

O modo de realização da perícia em acidente de trânsito, por motivos óbvios, varia conforme cada caso. 

Ou seja, não existe um critério padrão para a realização da perícia de acidente de trânsito.

No entanto, os atos a serem realizados durante a perícia em acidente de trânsito estão condicionados aos pedidos na ação judicial, as versões apresentadas por cada uma das partes e as características do acidente.

Por exemplo, se o acidente ocorreu dentro do estacionamento de um shopping, é possível que a perícia de acidente de trânsito seja realizada preliminarmente conhecendo-se o local do acidente.

Assim, durante a perícia em acidente de trânsito, o perito judicial poderá apresentar laudo de perícia de trânsito mais consistente. 

Ainda não entendeu como a perícia de acidente de trânsito funciona?

Imagine que, no mesmo exemplo do acidente de trânsito no shopping, a perícia em acidente de trânsito realizada no local identifique uma marca de pneu no asfalto que evidencie uma frenagem brusca. 

O laudo de perícia de trânsito terá um embasamento muito maior, não é mesmo?

Embora seja um caso hipotético sobre a realização de perícia de acidente de trânsito, o mais importante é que você entenda como funciona a perícia em acidente de trânsito e a elaboração de um laudo de perícia de trânsito.

E o que mais o laudo de perícia de trânsito possui?

Seja um laudo pericial de trânsito particular ou laudo do perito judicial, o documento tem como finalidade a juntada de provas que sejam substanciais para a resolução do conflito de interesses.

A grande diferença entre o laudo de perícia de trânsito particular e o laudo do perito judicial é a situação em que se aplicam, pois documentalmente e tecnicamente os dois tipos de laudo pericial de trânsito são idênticos.

Portanto, o contexto em que são aplicados é o que muda. Enquanto o laudo pericial de trânsito particular pode ser utilizado para embasar discussões extrajudiciais.

O laudo do perito judicial é desenvolvido somente para as discussões cíveis e criminais levadas ao Poder Judiciário. Nesses casos, o laudo do perito judicial é parcial.

Ao contrário do laudo pericial de trânsito elaborado por perito particular, pois ainda que seja um documento questionável, evidentemente, esse tipo de laudo pericial de trânsito tende a favorecer a parte que o contratou. 

Por fim, conclui-se que laudo do perito judicial é documento que depende de determinação judicial, mas em nenhum momento está descartada a possibilidade de contratação de um perito particular.

Procurando um perito particular especializado em acidentes de trânsito?

Nós, da Cleber, o perito, somos engenheiros mecânicos com experiência em analisar problemas com veículos e máquinas em geral.

Por isso, nos comprometemos em analisar, tecnicamente, o seu caso com a maior atenção que você merece.

Isso porque, com dados, é possível tomar decisões concretas. Ou seja, é melhor propor acordos ou abrir um processo?

Dessa forma, vamos passar todas as informações técnicas para você sobre o seu caso.

Precisa de ajuda com algum laudo pericial de trânsito? Contate-nos e vamos falar sobre o assunto!



  • Rio de Janeiro
  • São Gonçalo
  • Duque de Caxias
  • Nova Iguaçu
  • Niterói
  • Belford Roxo
  • São João de Meriti
  • Campos dos Goytacazes
  • Petrópolis
  • Volta Redonda
  • Magé
  • Itaboraí
  • Mesquita
  • Nova Friburgo
  • Barra Mansa
  • Macaé
  • Cabo Frio
  • Nilópolis
  • Teresópolis
  • Resende